DESLIGAR A MÚSICA AQUI.

terça-feira, 21 de agosto de 2012

ETERNO DESVARIO - Elen de Moraes Kochman






ETERNO DESVARIO.


Elen de Moraes Kochman


Minha boca pede a tua
Num beijo sôfrego e louco!
Minh’alma se queda nua
Em tu’alma... Mas, tão pouco
O nosso instante de amor...

Nem assim me desiludo,
Porque é tão grande o ardor
Do prazer que nos assalta...
Muito maior do que tudo
Que na vida tive falta!

Eu te preciso! Contudo
Vivo aqui neste exílio,
Num desterro alucinante,
Sem ter paz... Anos a fio...

Cismando, em voo rasante,
Acalmar o meu desejo,
Tal qual borboleta errante
Vagando em jardim sombrio,
Pouso em teu corpo, sem pejo,
Meu eterno desvario!



Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...