DESLIGAR AQUI O SOM

domingo, 7 de abril de 2013

DE TANTO VER TRIUNFAR AS NULIDADES... Discurso de Ruy Barbosa, no Senado, em 1914.



 Ruy Barbosa, 

em dezembro de 1914, fez um pronunciamento

diante do Senado Federal, revoltado com a  
 CORRUPÇÃO E ROUBALHEIRA
que imperava na politica brasileira.

(Ainda bem atual, infelizmente!)


A falta de justiça, 
Senhores Senadores,
é o grande mal da nossa terra,
o mal dos males,
a origem de todas as nossas infelicidades,
a fonte de todo nosso descrédito,
é a miséria suprema desta pobre nação.

A sua grande vergonha 
diante do estrangeiro,
é aquilo que nos afasta os homens,
os auxílios, os capitais.

A injustiça, Senhores, 
desanima o trabalho,
a honestidade, o bem;
cresta em flor os espíritos 
dos moços,
semeia no coração
das gerações que vêm nascendo,
a semente da podridão,
habitua os homens a não acreditar
senão na estrela, na fortuna,
no acaso, na loteria da sorte;
promove a desonestidade,
promove a venalidade,
promove a relaxação,
insufla a cortesania, a baixeza,
sob todas as suas formas.

De tanto ver triunfar as nulidades,
de tanto ver prosperar a desonra,
de tanto ver crescer a injustiça,
de tanto ver agigantarem-se
os poderes nas mãos dos maus,
o homem chega a desanimar da virtude,
a rir-se da honra,
a ter vergonha de ser honesto.




Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...