Desligar música aqui

segunda-feira, 9 de junho de 2014

CIÚME - Elen de Moraes Kochman


Ciúme

Elen de Moraes Kochman


Por te amar, sofro... e te faço sofrer.
Quando me bate n'alma a insegurança,
Duvido de tudo! Faço cobrança,
Achando que tens sempre algo a esconder...


Fico a imaginar que não mais me amas,
Que estás comigo só por não saber
Que palavras usar pra eu entender
Que da paixão apagaram-se as chamas.


Então fujo dos teus olhos... me afasto
Pra que não vejas a dor do meu pranto,
Para não ver no teu rosto o espanto
Pelo meu ciúme cruel... nefasto.


Quão inglória essa dor! Muito lamento...
Ao nosso amor sei que nada acrescento.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...