DESLIGAR AQUI O SOM

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

NOTURNO - Elen de Moraes Kochman




                      
 Noturno

Elen de Moraes Kochman


Águas de cruas saudades,
Por onde sempre navego,
Choram comigo as dores
Dos amores que partiram...
Noites que - em pesadelos -
Adormeceram estrelas,
Acalentam minhas mágoas
E dão vazão ao meu pranto.

Sobre o universo dos sonhos
A lua balança tímida,
Sem poder me confortar!
A solidão, tão medonha,
Minha fiel companheira, 
Grita por mim o que calo,
Quando sufoco os gritos
Que dilaceram minh’alma.

As loucuras das paixões,
Levaram-me para abismos...
Nas brumas dos meus caminhos
Esfumaram-se ilusões
Que alegravam minha vida...
O que antes era meu norte,
Hoje... é somente um sopro
Que me empurra para a morte.
                     

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...